Aumento da precariedade na VW AUTOEUROPA – Existem alternativas!

A alternativa ao aumento da precariedade na VW Autoeuropa existe, o SITE Sul defende que, os trabalhadores despedidos devem ser readmitidos com contrato de trabalho efectivo.

Tal como o SITE Sul havia denunciado, desde há vários meses que por motivos diversos faltam trabalhadores nas linhas de produção. Com as equipas a trabalhar no limite, a Administração fez exatamente o contrário ao necessário e despediu cerca de duzentos trabalhadores contratados a prazo no ano de 2020, para depois recorrer à contratação de trabalhadores temporários em condições precárias, com a desculpa da necessidade de reforçar as equipas.

Agora, com o agravamento do nº de trabalhadores ausentes nas linhas devido à pandemia de COVID19 e à prestação de assistência a filhos menores provocada pelo fecho das escolas, a Administração volta a aumentar a precariedade na empresa com o recurso a mais trabalhadores temporários para fazer face às suas dificuldades na produção, alguns deles com a informação de que irão estar a trabalhar durante um curto espaço de tempo na empresa, por motivo da substituição de trabalhadores ausentes devido a isolamento profilático e doença.

UM MODELO DE TRABALHO ASSENTE NA PRECARIDADE DIMINUI A QUALIDADE E AUMENTA A EXPLORAÇÃO DOS TRABALHADORES!

Os novos trabalhadores devem ser contratados diretamente pela VW Autoeuropa, com as mesmas condições que os restantes trabalhadores e não através de uma empresa de trabalho temporário que visa apenas o lucro e a exploração, que pratica salários mais baixos e disponibiliza piores condições de trabalho, como por exemplo, o não pagamento do subsídio de turno, a falta de formação e de realização de exames médicos de admissão exigidos por lei a estes trabalhadores, entre outras matérias.

12/02/2020

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email